Leiria Business School

CRO: Salta da prática até ao teu emprego no Marketing Digital

CRO: Salta da prática até ao teu emprego no Marketing Digital

Andas à procura de emprego e pedem-te que saibas Comercio Eletrónico, Conversões, estratégia de meios e ainda um pouco de SEO e SEA? Tenho boas notícias para ti. Chegaste ao local certo! 

O digital vive tempos desafiantes e sem precedentes. O que aí vem, comparado com as dot com dos anos 2000 será quase um big bang digital. Nunca foram necessários tantos profissionais especializados nas diversas áreas do Marketing Digital porque as empresas enfrentam desafios em que o espaço para errar é cada vez menor. E ainda bem, pois isto são boas notícias para quem quer trabalhar no Marketing Digital e para quem se vai especializar em CRO.

Basicamente, tu queres que todo e qualquer clique que aterre no teu website converta, faça aquilo que tu precisas que ele faça. Mas, infelizmente as coisas nunca correm como planeadas, não é? A tua empresa pede-te mais conversões, mas pede-te que gastes menos no Google Ads e no Facebook Ads. E que os vídeos do YouTube gerem leads e mais leads e que as leads se convertam em vendas. Não numas vendas quaisquer. Em excelentes vendas, carrinhos caros, compras caras. Deixa-me adivinhar: não corre bem, pois não? O stress anda-te a tirar o sono? Vamos então por partes e partilhar como o CRO  - Conversion Rate Optimization pode ser uma boa ajuda para voltares a dormir mais tranquilo.

O que é o CRO?

Há quase como em tudo na vida alguns pressupostos. Deves ter em conta:

  • Precisas de uma proposta de valor clara;
  • É necessário Incentivares os teus utilizadores a agir;
  • Deves reduzir ou eliminar as barreiras que impedem que os teus utilizadores convertam;
  • Tens de aumentar a confiança junto dos teus potenciais consumidores.

CRO - Conversion Rate Optimization são basicamente um conjunto de ações que te vão ajudar a testar e materializar estes pressupostos. E que ações são essas?

SEO & CRO. E meios e mais meios!

O SEO é uma disciplina vasta, impactante e que toca em muitas outras áreas conexas. SEO e CRO são áreas distintas. Uma coisa é o que acontece antes do utilizador entrar no website, e aí o SEO é o Rei e é essencial dado o potencial de volume, qualidade e eficiência desse tráfego, não apenas para a conversão mas também para outras fases do funil, nomeadamente Notoriedade e Consideração. CRO está focado no que os utilizadores fazem dentro do website, classificando-os em passos do funil: registos numa newsletter, criação de contas, registo de produtos favoritos, downloads de guias e/ou templates, artigos de opinião (como este) e depois, claro, conversão dessas leads em negócio. Mais: a forma como o website está construído, a capacidade de reconhecer no Analytics os caminhos, os touchpoints, o time to conversion, (gosto muito desta métrica) e dimensões como a localização, o dispositivo, etc. Isto sim, estamos no território do CRO e é nesse território que queremos tornar estes conhecidos em amigos: convertam. 

Resultados

Portanto, já deu para entender que temos um focus brutal nas conversões, mas antes de termos conversões temos de perceber porque não temos mais e onde perdemos os nossos utilizadores. E, mais do que o onde, é o porquê. E depois, o que poderemos fazer para o evitar. O mal está no website? Nas cores? No UX? Nos conteúdos? Ou o mal está no produto? No preço? Nos meios de pagamento? Na nossa marca que é desconhecida, mas para nós é como a Apple? E os que não convertem, para aonde vão? Porquê? Podemos ou não melhorar isto?

Como por tudo em prática

Ora, aqui está a arte & magia de quem pratica CRO. É aqui que um especialista nesta área entra em cena. Alguém especializado em saber o que se passa dentro do website é fundamental. Compreender o produto, os utilizadores. Mas isto não basta. Vamos ter de dominar ferramentas, metodologias de trabalho, analytics e relatórios (vá já para o Google Data Studio, Tableau ou PowerBI e pare de trabalhar com Folhas de Cálculo. E insights, recomendações para as áreas conexas das quais dependem o seu sucesso? Por exemplo, UX, webdesign, conteúdos, equipa comercial, etc.). Por isso, acredita que olhar e tentar olhar apenas para taxas de conversão não o vão levar longe. Certo?!

Help!!!!

Chegou o momento de olhar para o nosso curso e ver como o poderemos ajudar a evoluir para uma área tão importante como esta: negócio! 

 

Mas, como não quero que saias daqui de mãos a abanar, deixo-te duas dicas para ocupares os teus tempos livres. Começa por pôr tudo em causa, e faz testes A/B. Testa tudo, por muito irrisório que possa parecer. Vais ter uma ou mais surpresas.

Inscreve-te no nosso novo curso CRO e traz-nos os teus testes A/B.


Escrito por Miguel Maioespecialista em Marketing Digital e focado nas estratégias de meios e Data-Driven Marketing. É Global SEO Specialist na Mercedes-Benz.io e, desde 2009, é professor e formador especializado em Marketing Digital, SEM, Analytics e Performance Marketing.

Subscreva a nossa newsletter e fique a par das últimas novidades